5 erros comuns que fotógrafos em início de carreira devem evitar

Tempo de leitura: 4 minutos

Fotógrafos em início de carreira enfrentam grandes desafios. É importante investir em cursos e equipamentos, além de sempre estar se atualizando sobre o andamento do mercado. Além disso, recomendo que o iniciante fique atento aos erros, pois a concorrência é grande nessa profissão e os detalhes fazem diferença.

Para lhe ajudar nessa missão, destaquei 5 erros comuns que fotógrafos em início de carreira devem evitar. Continue a leitura e confira!

1. Fotografar por um preço muito inferior ao mercado

Esse erro é o mais corriqueiro que fotógrafos em início de carreira cometem. Você começa a fotografar de graça para a família e amigos, o que não é ruim para ganhar experiência e confiança, mas o problema surge quando isso vai ficando recorrente e de repente você está trabalhando para outras pessoas e não ganhando nada. É preciso deixar claro que você é um profissional, não tenha receio de pesquisar o valor médio do mercado e cobrar pelo seu trabalho.

Quando se está começando é normal que você cobre preço mais baixos do que de fotógrafos experientes. Porém, não se intimide solicitando valores muito abaixo do mercado. Nos primeiros meses, um preço até 30% abaixo da média já é vantajoso para você e para os clientes, mas conforme você for melhorando no trabalho e for sendo indicado, vá subindo o valor em 10% a cada bimestre e em menos de um ano você já estará inserido, cobrando o valor médio de mercado.

Essa é só uma das formas funcionais de ir avançando na sua cidade, porém, existem dezenas de outras, mas se você não sabe por onde começar, pode tentar conforme indicado.

É importante que você valorize seu trabalho e mantenha um preço adequado.

2. Fazer a divulgação de maneira incorreta

Divulgação é uma ferramenta muito importante para o fotógrafo, principalmente em início de carreira. Porém, é preciso estar atento para não gastar dinheiro anunciando seu trabalho em ferramentas erradas. Pesquise sobre qual a melhor plataforma para seu público-alvo e invista em mídias que tragam resultados.

Além disso, tome cuidado ao montar um site pessoal: deixe ele sempre atualizado, mas sem encher de fotos de um só ensaio. Selecione muito bem as imagens divulgadas pensando no seu cliente e tentando sempre inovar.

3. Ficar sem bateria e/ou espaço na memória

Pode parecer óbvio, mas eu precisava falar desse erro, que é muito comum entre os fotógrafos iniciantes. É sério, faço muitas viagens pelo Brasil, ensinando fotógrafos a se profissionalizarem e já ouvi muuuuitas histórias de problemas por falta de cuidado básico com o equipamento e por falta de equipamento reserva.

É preciso tomar o máximo de cuidado para evitar esse tipo de constrangimento, que pode acabar com a sua carreira, caso um cartão ou bateria pife durante um casamento, por exemplo. O ideal é ter sempre baterias e cartões de reserva, mas no início da carreira pode ser que falte dinheiro para investir.

Então, se precisar, peça emprestado caso não consiga comprar, mas não vá clicar trabalhos apenas com uma bateria e um cartão.

4. Não fazer o backup

Este é outro erro que por mais que você ache que não aconteça, é comum. Na correria da profissão, muitas vezes os fotógrafos esquecem de fazer um backup adequado e acabam correndo grande risco de perder todas suas fotos. Isso implica em uma situação totalmente desconfortável com o cliente, além de manchar seu nome, podendo até levar a um processo judicial.

Por isso, faça o backup SEMPRE que voltar de um trabalho, passando as imagens para computadores, HDs externos e até serviços de armazenamento em nuvem. O importante é garantir a segurança do seu trabalho.

5. Escolher a lente errada

No início da carreira você investe muito dinheiro e nem sempre é o bastante para comprar tudo o que precisa. Por isso a escolha da lente se torna tão importante, pois com a renda baixa é preciso selecionar bem em qual você vai investir primeiro. Lentes zoom, permitem que você tenha mais opções de ângulos sem se mover. Já as lentes fixas geralmente tem uma abertura maior do diafragma.

Diante disso, é preciso avaliar com muita cautela qual se encaixa melhor para atender suas necessidades, pois a escolha da lente errada pode tornar o seu trabalho mais difícil.

Teste lentes nas lojas ou com seus amigos e leia reviews das objetivas na Internet. Não compre uma lente só por que seu amigo falou que ela boa, pois pode ser que você não se adapte. Sempre pesquise antes.

Agora você já conhece algumas dicas que ajudam fotógrafos em início de carreira a não cometerem erros. Mesmo quando parece ser algo bobo, pode acontecer. Por isso é preciso sempre estar atento e evitar situações desagradáveis. Nessa profissão, o fotógrafo está sempre aprendendo. Então, além dessas dicas, aproveite cada dia de trabalho para agregar conhecimentos.

Viu como é possível evitar erros comuns no início da carreira de fotógrafo? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais e divulgue essas dicas com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *