5 dicas imperdíveis para ganhar autoridade na fotografia

Tempo de leitura: 8 minutos

Você quer ser reconhecido e se tornar famoso trabalhando como fotógrafo? Muitos profissionais que investem na atividade são movidos pela paixão. No entanto, apenas o amor pela fotografia não é suficiente para sustentar uma carreira sólida.

Ganhar autoridade na fotografia exige mais que isso, é preciso ficar de olho em diversas ações que, aos poucos, colocarão o seu trabalho em evidência, como uma referência no ramo. Tudo deve acontecer de forma que as pessoas vejam o quanto você curte e domina a profissão. E quais são essas dicas?

Ahhhh, antes de mais nada assista o vídeo abaixo. Ele foi a base para a construção desse artigo.

Como ganhar autoridade na fotografia

1. Fale do seu trabalho sempre

A primeira atitude para ser notado é falar constantemente da sua paixão pela fotografia. Todo mundo precisa saber que você é fotógrafo e o quanto ama o que faz.

Uma maneira de fazer isso com eficiência é fazer prova social mantendo outras pessoas falando do seu trabalho, por meio de avaliações nas páginas das redes sociais, como o Facebook, comentários nos artigos do blog e depoimentos públicos nas fotos e em vídeo, sendo esse último especialmente importante.

Exibir depoimentos em vídeo no momento da entrega de um trabalho finalizado é sempre impactante.

É nessa hora que os clientes estão mais empolgados com o resultado do material, e uma dica interessante é virar a câmera do celular no modo selfie perguntando o que a pessoa achou do trabalho. Esse tipo de coisa promove autoridade e reforça a sua imagem.

Outra forma de demonstrar competência é expor as premiações conquistadas. Essa dica é um pouco polêmica, já que divide opiniões. Porém, nesse caso, são pessoas gabaritadas dizendo que o seu trabalho é bom, e no final, isso conta muito para a sua imagem enquanto profissional e expert no assunto.

Exibir seus certificados de participação em congressos, palestras, reportagens em revistas e jornais, também é uma alternativa para que os seus clientes vejam a diversidade e a visibilidade da sua atuação profissional, sempre procurando contextualizar o material que está à vista em seu ambiente de trabalho.

Mais uma maneira de falar do que você faz é por meio de participação em associações de normatização que atestem a qualidade do seu trabalho. É interessante fixar, em local visível, selos das entidades das quais for participante e que acompanham a sua trajetória.

Uma coisa que vem chamando muito a atenção do público na internet é a lifestyle dos profissionais. Esse tipo de ação em fotografia gera muita autoridade, uma vez que as pessoas gostam de ver a paixão do fotógrafo pela profissão estampada no próprio estilo de vida que ele leva. Isso proporciona uma forte conexão entre ao público e o seu trabalho.

Não é à toa que as séries, filmes e novelas têm tanta audiência. Pessoas amam histórias e se reconhecem nelas com frequência. Se puderem acompanhar a sua vida pelo Instagram e isso trouxer alguma relevância, os seus clientes e fãs serão os porta-vozes do seu trabalho espontaneamente.

2. Mostre que você entende

Pode parecer até meio estranho, mas uma forma de ganhar autoridade perante seus clientes é mostrando que você sabe o que está fazendo.

Que tal começar um “programa” no seu Instagram onde você ensina seus seguidores a construírem fotografias melhores? Podem ser dicas simples, como por exemplo, ensinar como usar a regra dos terços, ou fazer uma silhueta.

O ponto é, quando uma pessoa aprende como você algo novo sobre fotografia, você automaticamente vai se tornar uma autoridade no assunto na cabeça daquela pessoa. E quando o cliente pensar em fotografia, a primeira pessoa que vai vir à mente será você.

3. Faça um bom portfólio

portfólio é um requisito básico para ganhar autoridade na fotografia e não um diferencial. Quando alguém procura por um fotógrafo, primeiramente, o que está em jogo é o material produzido pelo profissional. Se você é iniciante, produza ensaios com familiares e amigos, mas não deixe de apresentar algo palpável que possa mostrar a sua técnica e estilo.

Depois de atrair o potencial cliente por meio de um marketing competente, ele fará uma análise da qualidade e a tendência das fotos expostas no local escolhido para esse fim — online ou impresso.

Em um primeiro momento, o que realmente importa é o resultado do que você produz, muito mais que os cursos concluídos, o modelo da câmera e outros fatores. Portanto, um bom portfólio é a garantia de um começo de relacionamento possível. Depois de ver o que você faz, entram em cena outros detalhes como, preço, condições de pagamento etc.

Quem procura um profissional, faz isso porque pretende guardar uma lembrança especial, afinal, fotografar nunca foi tão fácil e rápido, basta ter um smartphone. Mas, o trabalho de um fotógrafo vai além de um simples registro, ele capta emoções e momentos únicos com técnica e precisão, portanto, demonstre isso no seu portfólio escolhendo o que de melhor foi produzido durante a sua carreira.

4. Construa sua presença online

Hoje em dia, a tecnologia faz parte das nossas ferramentas diárias e não podemos nos dar ao luxo de não as usar, principalmente um fotógrafo. Vivemos no século XXI e tudo funciona instantaneamente. A comunicação à distância se processa em tempo real, por isso, todos se acostumaram às interações rápidas.

Quando um cliente solicita um orçamento, ele quer a resposta na hora, bem como acesso imediato ao seu trabalho, portanto mantenha um site, um perfil no Facebook, no Instagram ou em outro canal de sua preferência e se comporte neles como um profissional.

Outra utilidade da internet é a possibilidade de expor a estrutura do seu estúdio ou home office, tanto na fachada quanto no interior. Organize os ambientes transmitindo as suas fontes de inspiração, como: livros, objetos com memória afetiva, itens decorativos, quadros, revistas, cuidados com a identidade visual e outros elementos que conversem com o segmento de fotografia que você explora.

Essas são formas de promover identificação com os clientes, levar até eles os valores que você cultiva e emprega na vida e no trabalho. As pessoas gostam de ver o quanto o profissional se preocupa com os detalhes no cuidado dispensado a tudo que os cerca.

5. Consiga referências

Existe um livro chamado “Roube com um artista”. Nele está um conceito legal sobre beber de várias fontes para produzir o próprio trabalho. Ninguém cria nada do zero, essa ideia é utópica. Já dizia Newton: “se pude enxergar longe, foi porque pisei nos ombros de gigantes”. Então, se ele não fez nada sozinho e precisou de inspiração externa, todos nós também precisamos.

Somos bombardeados por referências o tempo todo, mas o truque é saber filtrar o que você busca como influência para o seu trabalho. Portanto, procure referências de peso, com consistência e o resultado será mais sofisticado. Nesse sentido, Game of Thrones é melhor que a novela das sete, acredite.

O mesmo vale para as mídias sociais. Siga fotógrafos bem posicionados no mercado, que possam agregar algo diferenciado ao seu próprio trabalho. Espelhe-se no que já é bom.

6. Esteja com as autoridades

Já ouviu falar no efeito halo? Se o parceiro que está ao seu lado é famoso, um pouco da autoridade dele respingará em você. Então, cerque-se de talentos reconhecidos na sua área e faça lives com eles, assim, o seu público relacionará você a esses profissionais.

Isso é algo que pode ser feito em qualquer momento da carreira, mesmo quando se está começando. E se você tiver um bom parceiro, por exemplo, um cerimonialista, por que não fazer uma live no Facebook junto com ele respondendo às dúvidas das pessoas? Isso agrega valor ao trabalho dispensado ao seu público e cria proximidade.

Para ganhar autoridade na fotografia, é muito importante estar sempre atualizado e em evidência. Só assim, o seu trabalho cresce continuamente enquanto o seu espaço no mercado aumenta.

Se você quer saber mais sobre como ganhar autoridade na fotografia, fale com a gente. Teremos imenso prazer em ajudar.

E para finalizar um conteúdo bônus para você dar aquela estudada a mais.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *