Descubra como fotografar smash the cake da melhor maneira

Tempo de leitura: 6 minutos

Existe coisa mais natural para uma criança de 1 ou 2 anos do que se atirar para cima do bolo de aniversário ao se ver diante dele? O registro de uma cena como essa não poderia ser mais divertido e original. Mas para ficar interessante é preciso entender como fotografar smash the cake do jeito certo. Afinal, já diria aquela grande marca de sabão – “Se sujar faz bem” – hahahahah

Em tradução literal, esse termo significa amassar o bolo. A ideia é deixar a criança à vontade para brincar com o doce do jeito que ela quiser enquanto você registra tudo. Parece algo simples, mas requer alguns preparativos a fim de garantir um resultado legal. Entenda que, em se tratando de fotografias infantis, a coisa nunca é tão simples quanto parece.

Para ajudar você a executar essa missão da melhor forma, selecionamos algumas dicas e sugestões básicas. Acompanhe e divirta-se!

Dicas sobre como fotografar smash the cake

O tempo certo

Entenda que “amassar o bolo” é o ponto alto do ensaio e não o ensaio todo, por isso, procure fazer algumas fotos mais “normais” antes da brincadeira começar. Crianças mudam consideravelmente de um mês para o outro, então, mesmo que você já tenha registrado esse pequeno a poucos meses atrás… Nunca deixe de fazer mais alguns cliques, a mamães adoram.

Monte o cenário ideal

O local escolhido para esse momento de experimentação livre pode ser em casa, mas não se esqueça de reservar acessórios e produtos de limpeza para minimizar a baguncinha. Escolha um canto da casa com um trecho de parede ou de chão livre de objetos para compor um cenário clean, de preferência próximo à janela para aproveitar a luz natural. Uma boa dica é se utilizar de uma lona plástica ou algo do gênero para que a sujeira não se espalhe, afinal você não pretende fazer somente uma tomada de fotos com a criança não é?

Ao ar livre, o resultado pode ficar ainda mais interessante, já que a luz do sol contribui com imagens despojadas e a criança pode brincar livremente. Parques são boas opções e você pode usar uma manta neutra ou em cores que conversem com o bolo. Aqui sempre fica a dica dos insetos, lembre que doces os atraem e algumas crianças podem ser alérgicas. Cuidado especial com abelhas e formigas.

Para esse tipo de ensaio, é legal deixar o ambiente muito fofo, colorido e convidativo. A criança precisa ser atraída para as coisas ao seu redor, principalmente o bolo, que deve ser o centro das suas atenções. Decore com acessórios infantis, balões, bandeirinhas, bichinhos de pelúcia e o que mais estiver de acordo com o conceito usado.

Crie um sentido para o ensaio

Particularmente eu sempre procuro dar sentido para tudo o que fotografo. Isso garante que aquele trabalho seja visto como algo essencial e realmente faça parte da historia da vida da família, não é bonito? Quer saber como dar um sentido especial para esse ensaio? E se você combinar com a mamãe o seguinte…
“Que tal o nosso ensaio ser o primeiro contato que o pequeno tem com esse tipo de guloseima?”
Imagina que máximo se aquela criança nunca tivesse tido contato com um bolo e isso acontecesse ali, bem em frente a sua câmera? Tenho certeza que o sentido do ensaio seria todo especial.

Providencie o equipamento fotográfico certo

Para não perder nenhum detalhe curioso, tenha em mãos o equipamento adequado e use lentes que contribuam com isso, como a 50mm f/1.4 e outras versáteis para cliques menos detalhistas, como a 24 – 70mm f/2.8 ou equivalente. Particularmente eu sempre prefiro optar por uma lente zoom versátil (como a 24-70), porém sabemos que o preço desse tipo de equipamento nem sempre os torna viável. De toda a forma procure ter, pelo menos, uma lente que garanta um fundo com um mínimo de desfoque.

Usar tripé favorece a captura de detalhes com uma precisão muito maior, mas isso pode ser inconveniente e impedir que você consiga ótimos cliques quando o bebê estiver se movimentando bastante, o que é frequente e normal nessa idade. Nesse caso, você pode usar o equipamento para integrar o cenário, amarrando balões e bandeirinhas para dar ainda mais vida e originalidade às fotos.

Tenha cuidado com o tempo do ensaio

Crianças pequenas têm um ritmo próprio e podem se cansar facilmente, além de fazerem muita bagunça. Por isso, esses ensaios não duram muito — entre 1 e 2 horas. No início da sessão, a prioridade é o envolvimento com o ambiente e o fotógrafo, para fazer o pequeno se sentir mais confortável em um local diferente. Depois, começam os cliques com os pais e a interação com o bolo, que dura em torno de 20 minutos, o tempo necessário para capturar o máximo da experiência do bebê.

Capte cada reação da criança

Durante esse tempo relativamente curto, para que o ensaio cumpra o seu diferencial, é importante registrar todas as reações da criança, sem exceção. Fotografe tudo em diversos cliques, desde a expressão do bebê ao ver o bolo pela primeira vez até o final da folia com a guloseima. Para não perder nada, é bom providenciar a montagem do cenário antes da chegada do pequeno e garantir o impacto do primeiro contato e os olhares de curiosidade.

O bolo é o último a ser colocado no local e, quando o bebê chegar, é interessante acompanhar todo o trajeto dele até o alvo principal e seu contato com tudo ao redor.

Não esqueça que as fotos da criança limpa, no início do ensaio são importantes mas não podem durar tanto tempo a ponto de tirar o impacto do momento crucial. Depois disso, a farra da brincadeira com o doce deixará o bebê cansado e sem disposição para colaborar com mais cliques.

Viu como fotografar smash the cake pode ser divertido? Com organização e planejamento é possível captar cenas memoráveis e espontâneas.

Gostou das dicas? Então, para ficar por dentro de mais conteúdos como este, nos acompanhe no FacebookInstagram e YouTube e saiba muito mais sobre fotografia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *