Fotógrafo de casamento: dicas para não errar no grande dia

Tempo de leitura: 5 minutos

Ser um fotógrafo de casamento é uma responsabilidade e tanto. Esse dia é um dos momentos mais importantes na vida de qualquer pessoa e cabe a você, meu amigo fotógrafo, a honrada e difícil tarefa de registrar esse momento mágico.

Se só de pensar você sente uma pontinha de medo, você está no caminho certo, mas não precisa se desesperar. Neste artigo, separamos algumas dicas para você ficar atento e ter sucesso no seu trabalho. Antes de começar vai aquela nossa dica de sempre… Se você está com medo, vai com medo mesmo! Confira as sacadas da postagem:

Como fazer um bom trabalho como fotógrafo de casamento

Visite os espaços antes

Sempre que possível, é uma ótima ideia você visitar o espaço que vai fotografar antes. Dessa forma, você já consegue verificar os melhores ângulos e como a luz se comporta em cada espaço. Isso já vai ajudar a planejar as fotos que você pretende fazer. Porém, se isso não for possível, ao menos chegue mais cedo no local. Assim, você poderá fazer essa varredura do espaço antes de começar a correria. Lembrando que essa dica vale para todos os locais que farão parte do grande dia. Segundo a minha forma de ver um casamento, em um evento tradicional você estará nos locais onde ocorrerão:

  • Preparativos do noivo;
  • Preparativos da noiva;
  • Ensaio solo da noiva anterior ao religioso;
  • Cerimônia religiosa;
  • Ensaio do casal entre o religioso e recepção;
  • Recepção

Imagina se acontece algum imprevisto? Portanto, procure se programar para chegar pelo menos 1 hora antes do combinado. O casamento não vai esperar por você. Mas, ainda se esperar, isso não vai contar pontos positivos para a sua carreira.

É normal que se comece por fotografar os preparativos do casal, procure se utilizar desse momento para conversar bastante com os padrinhos, criar um vinculo forte com eles e se mostrar disponível para clicar sempre que eles acharem conveniente.

Converse bastante com os noivos

Para conseguir uma boa sintonia com o casal é importante que eles fiquem bastante à vontade com você. Por isso, é muito importante que vocês se conheçam pessoalmente antes do evento. Por exemplo, marque um café com os noivos e converse bastante. Alie as suas expectativas com as deles.

Sugiro sempre que se realize uma reunião com o intuito de “brifar” o casamento, ou seja, montar um checklist em ordem cronológica com todas as situações que você e o casal gostariam que fossem clicadas. Lembre ao casal que esse cronograma será seguido ao pé da letra e que você não esquecerá nenhuma das fotos que foram solicitadas ali.

Mesmo que muitas coisas diferentes aconteçam na hora, existem algumas fotos que os noivos obrigatoriamente desejam ver: a entrada da noiva, primeiro beijo, as madrinhas, entre outras. Procure saber o que mais os noivos esperam ver do ensaio. Pode ser uma foto com um tio especial, algum momento diferente. Descubra tudo isso de antemão e, se possível, anote em algum lugar. Assim, você não frustra os seus clientes.

Outra maneira legal de aproximar você dos seus clientes é marcando um ensaio antes do casamento, como um “save the date” ou “trash the dress”. Você pode até oferecer esses miniensaios em um combo para o casal. Além de você aumentar o valor do trabalho, ainda consegue conhecer melhor o casal.

Particularmente eu recomendo que você tenha, pelo menos, três reuniões com os seus clientes antes de efetivamente ir fotografar o casamento.

Prepare os seus equipamentos no dia anterior

Essa pode parecer uma dica idiota, porém uma das maiores fontes de problemas para os fotógrafos de casamento iniciantes é a falta de cuidado com o seu set de equipamentos. Lembre de montar um “checklist” com tudo o que você precisa para executar um trabalho com maestria. Aqui vale lembrar que os itens reserva são muito importantes porque como diria o meu pai: “Quem tem um, não tem nenhum!”

Carregue as baterias, formate os cartões de memória, limpe e arrume todo o seu equipamento já no dia anterior. Deixe a sua bolsa preparada com tudo o que você precisa para só pegar e sair, para que no dia da cerimônia seu foco fique todo nela.

Lembre sempre de levar somente itens que você sabe que irá utilizar. Não se prenda a equipamentos muito específicos, procure criar com o que você já tem. Muitas vezes a sua criatividade acaba sendo boicotada em função da grande variedade de combinações relacionadas a equipamentos que você pode fazer.

Esteja com roupas dignas de um fotógrafo de casamento

Mas o que isso quer dizer? Não existe uma convenção ou regra a seguir, porém, você está indo a um evento de classe e não pode se vestir de qualquer jeito. Por outro lado, você está trabalhando, então, não precisa exagerar também.

A ideia é que você esteja apresentável, mas não chame atenção, afinal o objetivo final do fotógrafo de casamento é registrar os melhores momentos dos noivos e seus convidados. Então, use roupas escuras para se misturar melhor na multidão, mas que sejam confortáveis para você se movimentar livremente.

Sempre é interessante que você mantenha um nível de classe e estilo, até porque as pessoas esperam que você se porte e vista como o artista que vendeu a elas na contratação. Eu mesmo gravei um vídeo onde mostro qual a minha preferência de vestimenta para os casamentos. Ele é bem completo e vai complementar muito bem essa postagem, dá uma olhadinha nele aí abaixo.

Gostou das nossas dicas? Quer ter acesso a mais conteúdos como esse? Então, curta a nossa página do Facebook!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *